31/Jul/2017
Mais de 30% dos trabalhadores não concluíram o ensino médio
Realidade.

        

Dados revelados pela Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), de 2015, colocaram a Educação de Jovens e Adultos (EJA) no foco de uma campanha do Movimento Santa Catarina Pela Educação que está sendo lançada nesta semana, em Blumenau. De acordo com a pesquisa, o Estado conta com 2,2 milhões de trabalhadores formais e, destes, 724,8 mil (33%) ainda não concluíram a educação básica. O índice é reflexo de outro dado revelado pela mesma pesquisa: em Santa Catarina, a taxa de jovens que não concluíram o ensino médio aos 19 anos chega a 32,3%. São estes jovens que, mais tarde, buscam a EJA para concluir o ensino básico.

Para começar a reverter este cenário, as federações do comércio (Fecomércio), da indústria (Fiesc), da agricultura (Faesc) e dos transportes (Fetrancesc), em parceria com a Undime-SC e com a Secretaria Estadual de Educação estão lançando a campanha estadual "O estudo é o seu melhor amigo pra vida". A ideia é, inicialmente, somar esforços para elevar a escolaridade dos trabalhadores no Estado e, com isso, aumentar a instrução dos catarinenses.

Nesta semana, as entidades lançam, em Blumenau, uma plataforma de geolocalização que mapeia as escolas de educação de jovens e adultos mais próximas do trabalhador que tiver interesse em complementar os estudos. O mapa com 421 estabelecimentos espalhados em 201 municípios catarinenses está disponível no site www.scpelaeducacao.com.br.

A meta do Movimento é ter todo o trabalhador com a educação básica completa até 2024 e com qualificação técnica adequada à função.

"Trabalhadores mais qualificados são fundamentais para uma indústria mais produtiva e competitiva. Mais do que isso, os benefícios ao próprio trabalhador são inúmeros. Como destacamos na campanha, o estudo também é o nosso melhor amigo para alcançar o que desejamos na vida", diz o presidente da Fiesc, Glauco José Côrte.

"Estamos mobilizando todo um ecossistema, entre escolas públicas, privadas e Sistema S, para elevação da escolaridade básica do trabalhador. O EJA do Sesc, por exemplo, conta com uma metodologia inovadora e formou, neste mês, a 18ª turma", afirma o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt.

Somente no ano passado, mais de 64 mil pessoas estavam frequentando os cursos de EJA em Santa Catarina, de acordo com o Censo Escolar do Ministério da Educação.

Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários



publicidade
vídeos mais recentes



  • Previsão do Tempo Seara-SC
    Sexta-feira , 22/09
    20ºC
    35ºC
    0 mm
    0 %
    Sol com algumas nuvens. Não chove.

enquete

home      a rádio      notícias      programação      blog      eventos      faleconosco
Facebook   Twitter   Youtube
Rua do Comércio, 215, Centro Seara - SC CEP: 89770-000 (49)3452-8500 contato@seara.psi.br