10/Set/2017
Fachin determina prisão de Joesley Batista e Ricardo Saud, da J&F
Detenções podem ocorrer ainda neste domingo, conforme apurou o 'Estado

        

BRASÍLIA - O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu atender ao de Rodrigo Janot, e mandou prender os empresários Joesley Batista e Ricardo Saud, do grupo J&F. 

Fontes da Polícia Federal informaram à esta reportagem que, em tese, não há nada que impeça que as prisões sejam realizadas neste domingo, 10.

Os pedidos de prisão foram motivados pela descoberta de que os executivos da J&F omitiram informações sobre supostos crimes ao negociar sua delação premiada. 

A rua onde mora o empresário Joesley Batista amanheceu em clima de tranquilidade neste domingo. Não há policiais até o momento na região da casa, que fica no bairro nobre dos Jardins, na capital paulista.

As cortinas da casa estão fechadas e não há, até o momento, a confirmação de que Joesley esteja no imóvel. No entanto, pessoas no bairro relatam terem visto o carro da família circular no sábado, 9, uma indicação de que o empresário estava em casa nos últimos dias.

O ex-procurador ainda fazia parte do Ministério Público quando começou a conversar com os executivos, no final de fevereiro. Ele pediu exoneração da instituição no mesmo mês, mas a deixou de fato apenas em abril.

Em um dos áudios entregues à Procuradoria-Geral da República (PGR), Joesley disse: “Eu não vou ser preso. O pessoal não vai, diretor não vai. Ninguém aqui vai ser preso. Não tem nenhuma chance.”

Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários



publicidade
vídeos mais recentes



  • Previsão do Tempo Seara-SC
    Quarta-feira , 20/09
    21ºC
    33ºC
    0 mm
    0 %
    Sol com algumas nuvens. Não chove.

enquete

home      a rádio      notícias      programação      blog      eventos      faleconosco
Facebook   Twitter   Youtube
Rua do Comércio, 215, Centro Seara - SC CEP: 89770-000 (49)3452-8500 contato@seara.psi.br